Resenha de Livro: Não se Enrola, Não

Livro: Não se Enrola, Não
Autora: Isabela Freitas
Ano: 2016
Páginas: 224
Editora: Intrínseca
Nota: 3 de 5

Já fiz resenha dos dois primeiros livros da Isabela aqui no blog ( Não se apega e Não se Iluda, não) e como vocês podem conferir na resenha eu gostei bastante. Fiquei muito empolgada quando soube da continuação do livro e cá estou eu com a resenha do terceiro livro. A leitura fluiu muito rápido já que a diagramação das letras é bem grande e o desenvolvimento flui muito rápido. O livro começa do ponto de onde o último parou, Isabela vê sua vida mudar drasticamente depois de seu blog fazer sucesso, ser convidada pra escrever um livro e mudar pra SP. Agora trabalhando em uma revista on-line, e tentando resolver as coisas em seu relacionamento não esclarecido com Pedro, a protagonista precisa aprender a lidar com os novos obstáculos e é claro dessa vez não se enrolar.

O livro tem a mesma linguagem, a mesma atmosfera e o mesmo desenvolvimento dos três primeiros livros. Isabela continua do mesmo jeitinho, ainda confusa com muitas coisas e com sua vida totalmente diferente já que largou o curso de Direito, saiu de casa e está em SP. O livro é diagramado do mesmo jeito dos primeiros, divididos em capítulos com títulos interessantes, as 20 regras pra não se enrolar, e algumas páginas com o título " Livro da Isabela doc" em que a protagonista divide a parte de escrita de seu livro. 

Em comparação com os outros livros e o desenvolvimento da história para esse livro acredito que as coisas tenham perdido o ritmo e se tornado mais fracas. É claro aquele jeitinho da autora de escrever a história com um monte de conselhos nas entrelinhas é interessante e cria uma identificação bem grande com que se está lendo. O que mais gostei é que a linha de identificação em situações e atitudes ainda está lá. Porém achei a protagonista ainda bem imatura levando em consideração os ensinamentos que ela diz ter passado nos primeiros livros. 

A parte cômica ainda está presente na personagem o que faz alguns momentos renderem umas risadas. Mesmo a autora afirmando que Isabela é uma personagem fictícia eu fico realmente intrigada com a semelhança entre a mesma e a personagem. Tudo igual a sua vida, largar o curso de Direito, sair da casa dos pais, morar sozinha, lançar um livro. Eu achei meio confuso essa parte vou dizer e não sei dizer se isso me incomodou ou não. No final do livro, até o sobrenome da personagem é revelado que é o mesmo da autora assim como o título do livro que é o mesmo dela. O ex namorado da autora também tinha um irmão gêmeo assim como o personagem.  Acho que muita coisa da vida real da autora foi colocada na vida do personagem só não sei o que é real ou ficção. Achei os obstáculos criados para o desenvolvimento da história bem fracos, já que em situações bem simples a personagem agia de forma totalmente incoerente. Mas as características que me fizeram gostar do livro da Isabela estão lá e por isso mesmo assim ainda gostei da leitura.

Não se enrola não é leitura obrigatória pra você que leu os dois primeiros e quer ler algo misturando conselhos bem dados com uma história bem desenvolvida de uma personagem que se enrola muito em suas coisas.





A vida de Isabela dá uma completa reviravolta depois do sucesso de seu blog, Garota em Preto e Branco. Decidida a perseguir seus sonhos, ela abandona o curso de direito, deixa a casa dos pais, em Juiz de Fora (MG), e se muda para São Paulo tão logo conquista um emprego numa badalada revista on-line. Enquanto se adapta aos novos tempos numa quitinete no Baixo Augusta, Isabela escreve seu primeiro livro.
Seria perfeito se no apartamento em frente não morasse o envolvente Pedro Miller e os dois não se embolassem regularmente sob o mesmo lençol. Não, não é namoro. Não, não é apenas amizade. É algo muito mais enrolado, um relacionamento sem um nome definido. Um “isso”, como diz a personagem. Embora não tenha coragem de confessar seus sentimentos, Isabela sabe que está perdidamente apaixonada pelo seu melhor amigo.
Após Não se apega, não e a sequência, Não se iluda, não, Isabela Freitas mostra neste Não se enrola, não os primeiros passos de seus personagens na vida adulta, com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona.






0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.